Na tarde de quarta-feira, 19 de fevereiro, a Casa da Cultura de Itamonte recebeu a Associação dos Produtores de Queijo Artesanal Mantiqueira de Minas (APROMAM) e a EMATER. O objetivo da reunião foi a entrega da Caracterização Integrada dos municípios na região da Mantiqueira, um estudo que foi iniciado há 2 anos que descreve o clima, a geografia, e o modo de fazer o queijo artesanal na região das Terras Altas da Mantiqueira. A qualidade dos queijos artesanais depende diretamente da assistência técnica ao produtor rural e pelas instituições oficiais de ensino, pesquisa e extensão, para que o produto gerado nas queijarias tenha qualidade e seja seguro.

O estudo também apontou algumas variações observadas tais como: na temperatura de coagulação, na temperatura de aquecimento da massa, no tempo de mexedura da massa, no tempo de viragem dos queijos, na concentração do sal da salmoura, o tempo que o queijo fica na salmoura e no tempo de maturação dos queijos. De acordo com essas observações serão necessários estudos científicos para definir o padrão de identidade e qualidade para o queijo.

As definições de qualidade farão com que o queijo produzido na Mantiqueira seja reconhecido em toda área nacional. A produção do Queijo Artesanal Mantiqueira de Minas pode se observar em cada município envolvido na caracterização entregue a cada produtor, pois na formação de cada povoado suas histórias se cruzam. 

Participaram representantes das cidades Aiuruoca, Baependi, Bocaina de Minas, Carvalhos, Itamonte, Itanhandu, Liberdade, Passa Quatro e Pouso Alto.

A reunião iniciou às 14h, e teve a abertura oficial feita pela vice-prefeita do município de Itamonte. “Desejo a todos uma ótima tarde, uma proveitosa reunião,e desde já agradeço a Flora, e APROMAM, a diretoria do nosso município de Desenvolvimento Rural na pessoa do Junior, que vem fazendo um excelente trabalho em nosso município, espero que todos se sintam bem acolhidos”, destacou Márcia Castilho, vice-prefeita de Itamonte, em sua fala de boas-vindas ao público presente na reunião.

O presidente da APROMAM Luiz Antônio, conhecido como Tuca, teve um momento emocionado junto aos produtores e todos presentes na reunião. Ele fez uma singela homenagem a Flora, que desde o início incentivou na construção da associação. “O nosso objetivo é único, Queijo Mantiqueira de Minas, identificação geográfica, Selo Arte, o apoio do Sebrae, do IMA, do MAPA, da Embrapa, da Emater, é isso que buscamos,” destacou Tuca. O presidente ainda falou sobre os aspectos importantes abordados na reunião e chamou os produtores para estarem unidos, “palavra o vento leva, o que temos que ter é a atitude, e hoje, é um dia de atitude e focar mais, traçar objetivos para concretizar em 2020”, além disso, falou sobre a importância de fazer e ser um produtor de queijos, “nós somos Mestres Queijeiros e o modo de fazer  esse queijo em nenhum lugar do mundo existe […] hoje não é um passo que estamos dando, e sim um salto”, concluiu Tuca em sua fala a qual demonstrou seu empenho e incentivo aos produtores.

Ao final o diretor-técnico da Emater, Feliciano de Oliveira, fez a entrega aos representantes dos nove municípios da APROMAM do estudo de caracterização, que é o primeiro passo para que os produtores possam padronizar a qualidade do queijo para que se tornem únicos, pelo modo de fazer e pela sua área geográfica.

Representantes de Aiuruoca: Ronaldo, da Emater e Tuti, que faz parte da diretoria da APROMAM
Representantes de Bocaina de Minas: Danilo, secretário de Agricultura, e Marcelo, da Emater

Representantes de Carvalhos: André Luiz, da Emater, Ludvick Vilela, Secretário de Cultura de Carvalhos, Cintia Cunha – SIM e Jonatan
Representantes de Itamonte: Fabiano; Junior, Diretor da Diretoria de Desenvolvimento Rural do Município; Guilherme; Márcia, Fiscal Agropecuária do IMA; Márcia Castilho, vice-prefeita de Itamonte e as produtoras do município

Representantes de Itanhandu: Adriana Almeida e Luís Guimarães (Tuca), produtores e membros da APROMAM, Edson, da Emater, e demais produtores do município

Representantes de Liberdade: Secretário Municipal de Agricultura Saturnino José, produtores do munícipio e André Luiz, da Emater

Representantes de Passa Quatro: Secretário Municipal de Agricultura, Wanderlei, e produtores do município

Representantes de Pouso Alto: Secretário de Cultura, Luiz Cláudio, representando o prefeito Juliano Diniz junto aos produtores do munícipio