Quero ser como um pássaro

e voar tranqüilo…

Cortar o espaço azul infinito,

indo pousar de mansinho

nos galhos de um carvalho amigo!

Quero sentir o cheiro da terra úmida,

o perfume das flores, o verde dos campos,

repousar na grama, olhar distante,

e brincar com as nuvens,

me perder no horizonte…

quero ver o sol que se vai,

a lua que vem…

as estrelas brilhantes, o piscar dos pirilampos

quero ser de novo criança

e me sentir repleta de esperança…

quero correr, saltar, viver…

sem nunca saber o que seja sofrer!

Quero sob os raios de luar

adormecer feliz e sonhar

que tudo é felicidade

quero adormecer como um ateu

e despertar conhecendo Deus!